Unidade Três Figueiras: (51) 3907-9865 | 3907-9859
Unidade Menino Deus: (51) 3557-9333 | (51) 3557-9444
Unidade Moinhos de Vento: (51) 3377-7374 | (51) 3377-7375

Para cada faixa de idade, um cuidado com a pele

A forma como a pele é tratada, pode revelar ou não a idade de uma pessoa. No entanto, por questões biológicas, em cada faixa etária é necessário dispensar atenções especiais para que ela continue saudável e jovem, pois o organismo, com o tempo, passa a produzir menos colágeno, por exemplo, que é importante para a elasticidade e firmeza da derme, sendo responsável pelo seu turgor.

Cuidado imprescindível na infância

Nesta fase da vida, a pele é macia, brilhosa e firme. Por ser frágil e sensível, está sujeita a desenvolver alergias, assaduras e brotoejas, problemas muito comuns. A principal dica é evitar o uso de produtos com fragrâncias fortes e optar por cosméticos desenvolvidos exclusivamente para crianças. A idade indicativa geralmente consta no rótulo.

 

Cuidado imprescindível na adolescência

A puberdade é a fase da ebulição dos hormônios. Nela as glândulas sebáceas se tornam mais ativas, aumentando a produção de oleosidade da pele. Por isso, muitos a consideram a mais cruel, pois é neste período que acnes e espinhas – de todos os tamanhos e intensidade – se desenvolvem com rapidez, mexendo muito com a autoestima do adolescente. Vale lembrar que os casos mais veementes necessitam de acompanhamento dermatológico. Já nas situações mais brandas o principal cuidado é: limpar bem a pele oleosa, pois isso ajudará a manter os poros desobstruídos, prevenindo o aparecimento da acne. Quem tem tendência à acne, deve usar maquiagem e produtos oil free, não comedogênicos e com efeito matificante. O importante é não obstruir ainda mais os poros. O passo a passo de uma boa limpeza de pele é:

1- Limpador: pode ser sabonete ou loção sem sabão para peles mais sensíveis;

2- Esfoliante;

3- Tônico ou adstringentes podem ou não ser usados. Para peles sensíveis é melhor pular essa etapa;

4- Hidratação com produtos oil free;

5- Fotoproteção com filtro não oleoso

Cuidado imprescindível aos 20

Nesta idade o foco maior é em prevenção e cuidados básicos. É também nesta fase que a pele se apresenta no ápice de sua firmeza. Para que ela permaneça vistosa é indispensável mantê-la sempre bem limpa e higienizada. Trata-se de uma idade em que há maior tendência ao uso de maquiagem, por isso é importante higienizar a pele com produtos específicos, usar adstringente para remover a oleosidade e aplicar demaquilante para remover a maquiagem. Outra medida importante é utilizar diariamente um filtro solar, para protege-la dos danos causados pela radiação UV.


Cuidado imprescindível aos 30

É aqui que podem ter início as primeiras rugas, principalmente ao redor dos olhos, da boca e na região da fronte.  Pessoas de pele mais clara e com tendência à formação de vincos ao sorrir ou se expressar, precisam ficar mais atentas. Aos 30 anos, além dos cuidados básicos dos 20, recomenda-se o uso de um creme ou hidratante para prevenção de sinais com ativos, como vitamina C, Ácido Hialurônico, Vitamina E e retinol, para tratar esses primeiros sinais. A paciente também pode avaliar, em consulta com um dermatologista, a necessidade de um tratamento preventivo com aplicação de toxina botulínica, preenchimentos de linhas e sulcos ou um laser não ablativo.


Cuidado imprescindível aos 40 aos 50 anos

Nesta fase podemos complementar os cuidados básicos com um tratamento específico para amenizar rugas e manchas. Aumentar o FPS do filtro solar também é importante, principalmente se a paciente já apresentar ou notar piora nas rugas ou manchas da pele. O momento é oportuno também para iniciar um tratamento mais efetivo para correção de linhas ou sinais e de reestruturação do envelhecimento facial com uma nova abordagem dos preenchedores usados de forma a sustentar e repor formas perdidas no envelhecimento. É indicado também usar um hidratante com maior poder umectante, pois a pele pode mostrar maior tendência ao ressecamento. Para mulheres desta faixa etária, podem ser indicados tratamentos com toxina botulínica também no pescoço e preenchimentos de efeito lifting na face e no contorno da mandíbula, laser e tecnologias que estimulem a renovação do colágeno, como Infravermelho e Radiofrequência.

 

Cuidado imprescindível a partir dos 60 anos

Todas as mudanças ocorridas até agora se tornam mais evidentes após a sexta década. Apesar de ser inevitável viver sem as rugas, é possível ameniza-las. Todos os tratamentos anteriores se realizados na época correta podem tornam mais fáceis a manutenção dos tratamentos nesta fase. Mas não desanime se você vai começar agora, o importante é não querer realizar tudo de forma intempestiva e escolher bem um profissional que respeite e avalie bem o seu biótipo, suas características individuais, seu estilo de vida e suas necessidades. Todos os tratamentos citados podem ser realizados incluindo as cirurgias plásticas, que podem complementar os tratamentos minimamente invasivos para manter os resultados mais duradouros e naturais. Já para aqueles que não querem cirurgias, existe uma gama de possibilidades de tratamentos não invasivos que amenizam rugas e mantem a jovialidade da pele de modo natural e seguro.


Recomendações finais

Cuidar bem da pele é muito importante em qualquer idade. Prestar atenção na genética e observar como a pele de nossas mães e avós reagiram ao passar do tempo pode ser uma forma interessante de prevenir ou evitar eventuais problemas. É necessário também manter uma alimentação balanceada, uma vez que a harmonia das vitaminas, proteínas e minerais influenciarão diretamente na pele e seus anexos. Evite fumar, durma bem, faça exercícios regularmente e mantenha atividade que lhe façam bem pois a felicidade é um dos mantenedores da beleza e da saúde.

Tire suas dúvidas sobre micropigmentação fio a fio

Quem não gostaria de acordar com as sobrancelhas bem preenchidas e marcadas todos os dias? Foi a partir deste sonho de grande parte das mulheres, que a técnica de micropigmentação fio a fio foi desenvolvida. Misturando linergismo com o visagismo, a técnica consiste em imitar o fio natural, desenhando e reforçando o contorno e o arco original de forma super natural.

Diferente do que muitos pensam, a micropigmentação não é uma tatuagem. “Este método, que consiste em implantar pigmentos na derme (pele), procura iluminar e delinear as sobrancelhas. Com durabilidade de 8 meses a 2 anos, sendo necessário um retoque após esse período”, comenta Luzia Costa, especialista em micropigmentação.
Esse novo método pode harmonizar o desenho, preencher falhas ou até mesmo cobrir cicatrizes superficiais na região dos fios, tudo isso de uma maneira muito natural. “A micropigmentação fio a fio é um serviço muito solicitado nas unidades Sóbrancelhas, pois tem uma longa duração e permite um aspecto de maquiagem natural” comenta.

Antes do procedimento é realizado o design de sobrancelhas e a escolha da tonalidade, que deve se aproximar ao máximo da cor original dos fios. Após a micropigmentação, que dura em média 1 hora (irá depender muito da quantidade de fios a serem desenhados), o ideal é manter os cuidados pós-procedimento lavando com água fria e sabonete antisséptico líquido, evitar coçar a área pigmentada, não remover as casquinhas que se formam e evitar exposição ao sol, mar e piscina durante o período de 30 dias. “Além disso, é indicado aplicar vaselina líquida na região, de 2 a 3 vezes ao dia, com auxílio de algodão. O objetivo é manter sempre o local pigmentado bem lubrificado e evitar que desbote”, finaliza a especialista.

antes

imagem_release_611509_medium

 

 

 

 

 

 

 

depois

imagem_release_611510_medium

 

 

 

 

 

 

fonte: sobrancelhas franquia

 

Micropigmentação de sobrancelhas

A nova técnica de micropigmentação atual está mais moderna e tem como função de alinhar a sobrancelha e deixar o olhar poderoso, que marca o contorno sem deixar aquele aspecto artificial de pintura. Os fios são desenhados de forma simétrica e assimétrica, podendo ser sobrepostos, como numa sobrancelha natural. O processo envolve pigmentos hipoalergênicos que são inseridos na camada dérmica da pele. Depois do processo de cura, esse pigmento fica na pele por cerca de um ano a um ano e meio, dependendo da idade e do tipo de pele.

peles

Microblading

Termo usado para micropigmentação de sobrancelhas com indutor manual que usa pequenas laminas composta de microagulhas. Esta técnica existe a muitos anos, é uma técnica japonesa a qual vinha sendo usada para tatuagens e agora para sobrancelhas, pois proporciona fio a fio perfeitos. A técnica combina traços individuais longos e curtos que imitam sutilmente o crescimento das sobrancelhas naturais.

O método tradicional deixava com aspecto carimbado, pois o desenho não era feito de cada fio. Em outras palavras, os pigmentos de cor penetram nas camadas profundas da pele, o que não proporciona um resultado natural e, muitas vezes, faz com que a cor varie com o passar do tempo.

Na nova técnica, o desenho da sobrancelha passou a ser feito individualmente, respeitando o desenho e formato de rosto de cada um.

Indicação

A técnica é indicada para falhas de sobrancelhas devido ao mau uso da pinça ou de processos mais graves como alopecia (perda total de fios) e pessoas que sofreram quimioterapia e falta de tempo de ter que todos os dias pintar com lápis a sobrancelha para cobrir as falhas.

Como preencher as sobrancelhas

Nem todas as mulheres possuem sobrancelhas cheias naturalmente.
Ai que entra a busca por produtos capazes de deixar o olhar marcante de forma natural. Veja algumas dicas para não errar na hora de delinear as sobrancelhas. Confira:

fios em ordem

– Mantenha os fios em ordem. Essa organização ajuda a dar a ideia de volume, além de facilitar na hora de pintar.

 

 

 

imagem_release_592996_medium

– Respeite sempre o limite do seu desenho. Muitas pessoas tentam “criar” um modelo com o preenchimento, o que acaba dando um aspecto artificial e envelhecendo os traços.

 

 

 

 

– Não escureçaimagem_release_592999_medium muito os pelos. O ideal é sempre optar pelo mesmo tom ou um abaixo, para não deixar o olhar “pesado”.

 

 

 

 

 

– Use o produto ideal. Hoje no mercado existe uma variedade imensa de produtos para preencher as sobrancelhas, desde o pó até o gel. imagem_release_593000_medium

Drenagem linfática X massagem modeladora: quais as diferenças e para quem são indicadas

As massagens são ótimas para potencializar o combo dieta e exercícios físicos. Elas podem reduzir o inchaço, medidas, gordura e até mesmo tornar o corpo mais modelado. As mais comuns são a drenagem linfática e a massagem modeladora. Para você saber a diferença entre elas e qual é a mais indicada pra você, consultamos Flávia Medeiros, criadora do Magic Touch Detox – tratamento queridinho das famosas -, e o fisioterapeuta Daniel Zuchi.

DRENAGEM LINFÁTICA
“A drenagem linfática trabalha totalmente o sistema linfático. É uma massagem que tem o objetivo de eliminar o líquido que está em excesso no corpo”, explica Daniel, especialista no método na clínica de Flávia. São feitos movimentos leves, contínuos e unidirecionais com as mãos pelo corpo todo numa sessão de 1h a 1h30. Não é obrigatório usar creme, mas é comum usar um neutro para ajudar as mãos deslizarem no corpo.

Mais um benefício da drenagem é a redução de celulite que, segundo o expert, é causada por uma falha no sistema linfático e não tem ligação direta com gordura. “A partir do momento que consigo melhorar essa falha com a drenagem, também é possível reduzir celulite”, afirma. Se o seu principal objetivo com a drenagem é amenizar celulite, a massagem pode ser concentrada em uma área do corpo. “Quando vou trabalhar com celulite, faço só no membro inferior.”

Pra quem é indicada: Daniel indica a drenagem para quem tem qualquer tipo de retenção de líquido e celulite, como gestantes e pessoas que ingerem alimentos com muito sódio. Também é indicado para quem está no estágio pós-operatório de uma cirurgia plástica, por exemplo, ou apresenta um quadro de elefantíase.

Resultado: Na primeira sessão já é possível perceber diminuição do inchaço nos membros, mas o ideal, segundo Daniel, é fazer de 5 a 10 sessões para se ter um resultado duradouro. “Já vi o resultado se manter por até 6 meses após 10 sessões. Mas depende muito do problema da pessoa. No caso da retenção de liquído por alimentação, o ideal é ela manter uma alimentação adequada. Mas entre 3 e 6 meses é garantido.”

Dói ou deixa hematomas? “Não. Se doer, a pessoa está fazendo muita força e você pode ter uma lesão no sistema linfático.”

MASSAGEM MODELADORA
O foco princiapal da massagem modeladora é moldar os cortornos corporais, reduzir gordura, medidas e inchaço. “Por meio de movimentos contínuos – e mais rigorosos do que na drenagem – vou esvaziar os adipócitos (gordura) para que haja uma melhora dos contornos corporais, mas esses adipócitos não são retirados do corpo”, explica Flávia.

Na sessão que dura em média uma 1h, a esteticista trabalha com um creme com ativos termogênicos, como cafeína, que age no metabolismo local pra reduzir medidas. “A massagem é feita no corpo todo, mas podemos concentrar em algumas áreas estratégicas em que o pessoa tem maior concentração de gordura, como abdome e culotes.”

Flávia faz um alerta ao dizer que não é permitido fazer a drenagem e a massagem modeladora no mesmo dia e não existe uma técnica que une as duas massagens. “Mas em dias diferentes pode fazer, sim.”

Pra quem é indicada: “Indicaria para aquela pessoa que malha, mas não consegue modelar o corpo e eliminar a gordurinha de algumas regiões, como os culotes e os flancos, por meio da atividade física.” Se você não malha e nem segue uma alimentação regrada ainda assim terá resultado, mas não tão eficiente.

Segundo ela, a alimentação também é um fator importante nesse processo. “Se a pessoa continuar comendo errado e não praticar atividades físicas pra estimular o metabolismo, a massagem vai ter efeito cinderela, da noite para o dia ela volta e engordar e reter líquido. É preciso ter consciência de que não há mágica por conta de massagem.”

Resultado: “O resultado pode ser logo na primeira sessão, se a pessoa não possui uma camada de gordura muito grande. Mas sempre indico de 5 a 10 sessões porque o resultado imediato é raro.” Flávia diz que a durabilidade depende da disciplina da pessoa em relação à alimentação e atividade física.

Dói ou deixa hematomas? “A massagem pode causar um leve desconforto, mas não pode doer, romper vasos e nem deixar hematomas.”

 

fonte: Revista Marie Claire